28 de dezembro de 2014

C´est fini


O que dizer de você, 2014?! Antes mesmo de você começar já me causava borboletas no estômago... Eu recém-formada, com um estágio terminando e muitas incertezas pela frente.

Quando você chegou me fez ficar longe do mar para assumir uma empreitada intensa, mas com tempo determinado: pouco mais de 30 dias de muito trabalho. Foram manhãs, tardes, noites, chacinas, acidentes, incêndios que me deixariam com as anteninhas ligadas quase 24 horas por dia. Eu pude saborear integralmente as dores e as delicias do tal factual.

Depois desse período, por incrível que pareça, a angústia não tomava mais conta de mim, era como se eu tivesse zerado a contagem para começar tudo outra vez, sem grilos, sem medo de arriscar, sem medo de mudar. E eu mudei. Refiz contatos e em menos de duas semanas consegui um aceno positivo. E que aceno...

Ah 2014, quantas surpresas você guardava para mim... Foi com você que eu tive o privilégio de passar a integrar uma equipe Espetacular! Trabalho hoje com pessoas tão competentes, tão dedicadas, tão inteligentes e tão pacientes com meus pontos fortes e fracos que só tenho a agradecer por você ter sido tão auspicioso... Eu até diria que tenho muita sorte, mas como me ensinou a xará e mestre Beatriz Alessi, “a sorte é o resquício do desejo”.

Despeço-me de você, 2014, de novo longe do mar, de novo trabalhando e com a certeza de que você foi um grande ano. Foram muitas experiências, muito aprendizado e contato com pessoas que me ensinaram o que é respeitar o profissionalismo do outro sem deixar de ensiná-lo como ir mais além. Obrigada a toda a equipe do Domingo Espetacular pela receptividade, pelo carinho e o aprendizado diário.

Agora, 2015, só tenho uma coisa para te dizer: se aprochegue que vou lhe usar!

Um comentário:

Quem declara agora é você!